A vida universitária também possibilita reflexão, questionamento, transformação e vivência política. Ou seja, o cotidiano universitário está imerso na política, servindo como um meio de crescimento pessoal e coletivo.

 

Na UnB, existem diversas instâncias representativas, tais como o DCE e os CAs , e também outras formas de organização coletiva nas quais os estudantes se fazem ouvir e transformam a realidade acadêmica e social.