Em seus quase 60 anos, a UnB já enfrentou e superou desafios de todas as naturezas. Entretanto, nenhuma crise impôs dificuldades e transformações tão profundas e impactantes como esta pandemia que estamos vivendo.


A disseminação da covid-19 pelo mundo e os desdobramentos devastadores sentidos no Brasil e no Distrito Federal viraram nossas vidas de ponta-cabeça. Fomos obrigados a mudar nossas formas de interagir, de circular, de estudar, de trabalhar, de se divertir.


E com a UnB não foi diferente. Desde a suspensão das atividades presenciais em 13 de março de 2020, a Universidade teve de se adaptar por completo para garantir a continuidade das atividades acadêmicas e administrativas, conforme os limites de segurança do quadro epidemiológico.


Pela primeira vez na história, temos semestres realizados 100% de forma remota. Trata-se de um desafio monumental para todos os envolvidos: alunos, professores, técnicos e gestores.


Todos estamos enfrentando múltiplas dificuldades domésticas, acadêmicas e profissionais simultaneamente. Sabemos disso. E o papel da UnB é se colocar à disposição da sua comunidade, oferecendo o suporte necessário para que, juntos, superemos as barreiras que estão surgindo na jornada. É nosso dever, como instituição, criar alternativas e soluções seguras para continuar fazendo o que sempre fizemos de melhor: ensino, pesquisa e extensão.


Temos total confiança que a cooperação de toda a comunidade acadêmica conduzirá a Universidade de Brasília à superação deste desafio sem precedentes. Contamos com a participação de cada um dos nossos alunos, professores e técnicos para completar mais este semestre com segurança e excelência.


É missão da UnB atuar na construção coletiva de uma nova realidade, propondo novos caminhos e possibilidades. Sigamos pautados no conhecimento, na empatia, na paciência e, principalmente neste momento, na esperança!

 

Pois, A UnB quem faz é a gente.